Quem sou eu

Minha foto
No blogue escrevo meus próprios textos (contos, crônicas, poemas, prosa poética) e também sobre os mais variados assuntos: literatura, cinema, viagens, gastronomia, amenidades, humanidades, música. Tudo que me toca. E que possa tocar os leitores.

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

As surpresas paulistanas: a bureka da Shoshana e o Bistrô da Sara

Eu estava aqui ontem no meio do meu cotidiano sangrento de ler, ler, ler e jamais terminar estes livros. Porque mal termino um projeto, já tenho diante de mim três me esperando para iniciar... Me sinto cansada esta semana.
Vocês leitores que acompanham o blogue sabem que estou em pleno inferno astral até dia 6/12 e fragilizada (brincadeira!). É um charmezinho de blogueira... Mas cansada estou mesmo. Queria férias. Mas só o que terei até o fim do ano é mais trabalho e tarefas e obrigações.
Bem, em meio ao caos aqui no meu escritório, recebo um telefonema: "Tuntum? Quer fazer um programa de índio?" Era Marcinha, com seu jeito de me chamar. "Oi, Marcinha!... depende, que programa de índio é esse?" Ri, achando engraçado, porque programa de índio é muito bacana, em meio à natureza, com tradições, ritos, pintar o corpo, andar nu. Nós, os bacanas metropolitanos, nos apertamos em caixotes, na poluição, ficamos em filas, nos esprememos em shoppings, levamos duas horas para chegar ao trabalho -- enquanto eles, os índios (idealizadamente, claro), estão lá, na sua rede, banho de rio, sol, árvore, e um montão de outras coisas boas).
O programa era ir ao Bom Retiro, fazer umas comprinhas que ela pecisava, e, depois, ela rindo muito me disse: "Comer bureka na Shoshana..." kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Eu achei que era gozação dela comigo. "Marcinha, sou uma mulher do conhecimento, não vou a um lugar sem saber direito o que vou comer, e o que é exatamente shoshana?????!!!!!!!!" E ri, achando que era pegadinha. Eu falei: "Bureka, até como, mas a shana vou pular!" E a risada foi geral.
E sei que durante o caminho todo de minha casa até o Bom Retiro ela foi pronunciando com gosto: "a bureka da Shoshana...". E não tinha como não rir.
Na imagem, a "tal" da bureka.
Bom, aí ela me explicou. No Bom retiro há a Casa Búlgara, onde as burekas (rosquinhas folhadas típicas do Leste Europeu) são feitas por Lina Levi e Shoshana Baruch, mãe e filha.
Bom fomos lá depois das compras de Marcinha, e realmente são uma delícia. Há vários recheios, por exemplo, queijo búlgaro, gorgonzola e carne. E quando chegamos lá, no balcão ela disse à atendente: "Oi, a gente quer tais burekas... da Shoshana..." E se pôs a rir dizendo à menina que adorava dizer o nome da dona do estabelecimento. Caímos na risada as três, e a menina fez um semblante de quem deve ouvir isso muitas vezes...
A tal da bureka é uma delícia. Vale a pena cruzar a cidade e sentar-se ali, tomar um suco de maçã, delicioso, acompanhando a iguaria búlgara.
É um mundo que eu desconhecia, jamais vou ao Bom Retiro, acabo gastando fortunas comprando em lojas por aqui mesmo, pra não ter de me deslocar até lá. Mas é um mundo a se conhecer. Marcinha me mostrou o Bistrô da Sara, que fecha todos os dias às 17h. Ficamos de ir almoçar um dia lá. Fiquei surpresa, parece um bistrozinho numa ruazinha de um bairro afastado parisiense. Uma surpresa paulistana para mim, que acho que conheço tanto São Paulo. Ali eu só conhecia o famoso restaurante grego, ao qual já fui algumas vezes.
Na foto, o bistrô da Sara, na Rua da Graça.
E eu que tinha certo preconceito dos produtos de lá, do Bom Retiro, me vi encantada com algumas bolsas e lingeries... bem , isso é outra história.
Mas em mais um dia desta semana pude ter duas horinhas para mim, um lazerzinho forçado na grade dura e fechada de minha agenda. Tudo isso regado a burekas da Shoshana.
Não fosse minha amiga Marcinha, como eu poderia saber que Shoshana é uma quituteira de primeira e não uma palavra que não pode ser dita numa festa em família?
Quem quiser provar a bureka de Shoshana, o endereço é também sugestivo: Rua Silva Pinto, 356 Bom Retiro Tel.: (011) 3222-9849
O Bistrô da Sara fica na Rua Da Graça, 32 Bom Retiro Tel.: (011) 3362-1725
O blogue De safo para Cleis também é dica de gastronomia... (E compras... Mas sugiro de coração: não vá lá aos sábados. Aquilo se transforma em um inferno nesses dias.)

4 comentários:

  1. Adoro burekas e shoshanas. Conferirei.

    ResponderExcluir
  2. Ahahahahahahah Luís, você só comenta meus posts venenosos... (risos) As burekas são ótimas mesmo! Um beijo!

    ResponderExcluir
  3. Que fique bem claro que as unicas burekas que eu como são as da Shoshana, as outras eu dispenso...kkkk

    ResponderExcluir
  4. Marcinha... nunca vi vc dar tanta explicação... rs Essas burekas mexeram mesmo com você!... Beijocas Tuntum

    ResponderExcluir